Fandom

Wiki Naruto Fanon

União Shinobi Suprema

210 páginas
nesta wiki
Adicione uma página
Comentários0 Compartilhar
União Shinobi Suprema
UniãoShinobi.jpg
Kanji 忍組合至高
Rōmaji Shinobi Shikō Kumiai
Descrição
Afiliação SimboloPaísDasAlmas.png País das Almas
ElementoOuro(PrimeiroShikage).png País do Ouro
PaisdaRocha.png País da Rocha
PaísdaLuz.png País da Luz
Time
Mídia
Aparece em Mangá, Anime, Filme e OVA

A União Shinobi Suprema (忍組合至高 Shinobi Shikō Kumiai) é uma coligação entre os militares coletivos das forças dos Quatro Países Lendários. Tem sistema bastante semelhante à Aliança Shinobi e a União Shinobi.

História

A União foi originalmente formada com o objetivo de por um fim a Era da Escuridão, uma época no qual as guerras eram intermináveis entre os Países Lendários. Quando os países entraram em um acordo político, a união foi formado e os conflitos foram cessados. Nesse período, a União funcionava como um acordo de paz entre as nações.

Durante o período da Segunda Guerra Mundial Ninja, o tratado de Paz foi quebrado, após o Daimyō do País do Ouro, grande aliado do País do Fogo, fornecer abrigo para shinobi de Konohagakure, que posteriormente atacariam o País das Almas. Com esse ataque, o Daimyō do País das Almas declarou guerra aos Países Lendários e iniciou o processo de conquista de territórios, chamado de Guerra Rikuro, com objetivo de governar as pequenas vilas ninjas do País da Luz e do País da Rocha. Com o fim desse período, o Daimyō do País da Luz criou o Tratado Washi, que impedia os Países Lendários de levarem suas guerras aos Cinco Grandes Países Shinobi. O Tratado foi mencionado as outras nações ninjas, que concordaram em manter os Países Lendários afastados dos conflitos dos Grandes Países, requisitando-os apenas em caso de emergências.

Com o início da Terceira Guerra Mundial Ninja, os Países Lendários fecharam suas fronteiras, o que resultou em um aborrecimento geral por parte dos Grandes Países, que necessitavam de abrigo e forças aliadas. Contudo, os Daimyō informaram, com cerca dificuldade, já que os meios de comunicação estavam sendo destruídos por inimigos, que os Países Lendários estavam em sua própria guerra, a Grande Guerra Yami, que resultou em tamanha violência, que os países lendários tiveram que se unir contra um inimigo comum, o grupo de nukenin conhecido como Anākī. Após vencerem esse conflito, os Daimyō puderam perceber que os Países Lendários funcionam melhor em conjunto do que em guerra, oficializando a organização atual da União Shinobi Suprema.

Durante a Quarta Guerra Mundial Ninja, os Países Lendários continuaram afastados dos conflitos, por conta do Tratado Washi, mas suas fronteiras permaneceram abertas e eles participaram da Aliança Shinobi e serviram como refúgio para os moradores das vilas shinobi.

Unificação

Bandana da União Suprema.png

Durante a Grande Guerra Yami, o Daimyō do País das Almas percebeu o potencial de trabalho em equipe entre os Países Lendários e sugeriu a padronização dos uniformes de batalha. Todos os ninjas combatentes passariam a usar uma roupa ninja padrão, composto por colete, chapéu, calças e botas, todas na cor verde, que facilitavam a camuflagem nas grandes florestas onde os conflitos da guerra aconteciam. Posteriormente, durante a Quarta Guerra Mundial Ninja, iriam aderir a mesma ideia da Aliança Shinobi de usar bandanas iguais, mas nesse caso, nas bandanas estaria escrito a kaji de "Lenda" (伝). A grande maioria dos ninjas passou a usar a bandana pendurada na cintura ou no braço, contudo, líderes e ninjas de cargos superiores a usavam em suas testas.

Conflitos

Embora bastante disfarçados e oficialmente resolvidos, os conflitos internos da União aconteciam com bastante frequência. A grande maioria dos conflitos internos dava-se por conta da rivalidade entre os shinobi do País das Almas e os do País da Rocha. Os conflitos eram resolvidos pelos líderes de cada divisão, que tinham que ser imparciais na hora de corrigir os shinobi.

Composição

O Exército total tem em torno de 148.000 pessoas, dentre essas incluem shinobi, samurais e ninjas da escuridão como iguais. Ao fim da primeira semana de confronto na Grande Guerra Yami, a União perdeu cerca de sete mil ninjas. A Base da operação fica localizada na costa oeste do País da Luz, próximo aos Vales de Arroz de Sorugakure.

A divisão atual é semelhante a divisão da Aliança Shinobi, com apenas alguns diferenças. A Divisão dos Ninjas da Escuridão (闇の忍者の課 Yami ninja no ka) é composta apenas pelos tais ninjas, que tem seus próprios jutsus de time.

Os ninjas foram divididos em dez divisões que associam os ninjas com habilidades semelhantes. O Regimento da Grande Batalha (戦闘大連隊, Sentō Dairentai) é divido em seis divisões e cada uma é liderada por um comandante (部隊長, butaichi) e esses são comandados por um um shinobi de nível elite, que é conhecido como o Comandante Regimental (連隊長, Rentaichō). Existe também quatro divisões de apoio para o exército, cada uma sendo liderado por um Capitão (隊長, taichō).

Além disso, dentro de cada divisão há subconjuntos de equipes, tais como os: Time de Selamento (封印班,Fūinhan), que são responsáveis por jutsus de Selamento em batalha e o Time de Comunicações (連絡班, Renrakuhan), que precisa ficar em contato com o quartel general e com outras divisões, a fim de receber e transmitir informações.

Ninja Fanon (Primeiro Shikage Perfil).png
Este artigo, União Shinobi Suprema é propriedade do usuário Primeiro Shikage. O mesmo sabe aonde parou de adicionar e/ou editar o conteúdo desta página. Não mencione ou edite sem permissão de tal. Caso queira entrar em contato com ele, deixe um recado em seu Mural de Mensagens

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no Fandom

Wiki aleatória